Conheça a Harley-Davidson Blue Edition, a moto mais cara do mundo

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Para a construção dessa motocicleta foram necessárias 2.500 horas de trabalho

Parem as máquinas! A Bucherer, marca suíça de relógios e jóias, apresentou em parceria com a Bündnerbike, a Harley-Davidson Blue Edition. O lançamento aconteceu no primeiro semestre e essa moto já é considerada a moto mais cara do mundo, avaliada em US$ 1.79 milhões (algo em torno dos R$ 6,4 milhões).

Inspirada na Harley-Davidson Softail Slim S, o modelo recebeu atualizações e acabamento premium. Com elementos decorativos dignos top de linha e muito modernos, em suas especificações estão incluídas luzes de LED resistentes ao calor e um motor iluminado por dentro.

Chamando no luxo

2

FOTO: DIVULGAÇÃO

Seu aspecto luxuoso se deve, em grande parte, aos acessórios banhados a ouro que pintam determinados pontos da motocicleta – isto sem esquecer as seis camadas de tinta azul que ela levou para chegar à tonalidade final. E para fechar com chave de ouro, uma jóia fina e um relógio da Bucherer foram colocados neste modelo e estão protegidos por um vidro blindado.

Para a construção da Harley-Davidson Blue Edition foram necessárias 2.500 horas de trabalho, oito especialistas de cada empresa e um ano de trabalho entre desenho e produção.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Harley-Davidson prepara estratégia para a construção de novas motocicletas

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

O projeto inclui novos produtos em segmentos de motocicletas adicionais, acesso mais amplo e compromisso de fortalecer as concessionárias

A “fábrica de sonhos” não para de trabalhar! Para inspirar ainda mais pessoas em todo o mundo a experimentar a empolgação de pilotar uma motocicleta, a Harley-Davidson acaba de compartilhar detalhes de seu plano de crescimento até 2022, o “More Roads to Harley-Davidson”. Em um mundo em rápida mudança e com novas demandas do consumidor, essas ações apoiam os objetivos da marca para 2027, com maior foco e investimento estratégico para revigorar os negócios nos EUA e, ao mesmo tempo, acelerar o ritmo de crescimento internacional.

“As ações ousadas que estamos anunciando alavancam as vastas capacidades e o poder de fogo competitivo da Harley-Davidson – nossa excelência no desenvolvimento e fabricação de produtos, o apelo global da marca e, claro, nossa grande rede de concessionárias. Juntamente com nossos leais clientes atuais, lideraremos a próxima revolução da liberdade em duas rodas, para inspirar os futuros pilotos que ainda não pensaram na emoção de pilotar”, disse Matt Levatich, Presidente e CEO da Harley-Davidson Inc.

Resultado de uma avaliação bastante abrangente e que incorpora a perspectiva de “cliente em primeiro lugar”, o plano More Roads to Harley-Davidson inclui novos produtos, acesso mais amplo e concessionárias mais fortes. “Esperamos que este plano resulte em uma comunidade Harley-Davidson expandida e engajada, com uma base de pilotos mais diversificada, juntamente com margens e fluxo de caixa referências para a indústria”, comenta Levatich.

Este slideshow necessita de JavaScript.

MXF apresenta nova moto 2 tempos

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Motocicleta de 250 cilindradas foi lançada o Bananalama 2018 e chega por R$ 24.990,00

E a cena off road ganha mais uma opção. A MXF Motors realizou o lançamento oficial da sua moto 250 cilindradas com motor 2 tempos (MXF 250 TS) no último sábado (07/07), durante o Bananalama 2018. “Aproveitamos a grande presença de público off road no evento para lançar o novo veículo. Estamos contentes pelas avaliações positivas que a nova moto recebeu dos visitantes”, disse João H. Montani, proprietário da MXF.

A nova MXF 250 TS é a primeira moto de grande porte da marca a receber motorização 2 tempos. A ideia de trazer ao Brasil este modelo surgiu como resposta a várias solicitações do público off road. “Foram dois anos, entre o desenvolvimento e a fabricação, para a moto sair do papel e ser lançada no mercado brasileiro. Estamos muito felizes com o resultado e aguardando com grande expectativa a resposta do público que estava pedindo uma moto MXF 2 tempos”, afirma João.

Aposta do ano

De acordo com Luiz Henrique, diretor técnico da MXF, a moto 2 tempos 250 TS é o grande destaque da montadora para o ano de 2018/2019, e promete ser um dos carros-chefes em vendas da empresa. “Um dos diferenciais dos motores 2 tempos é a sua simplicidade construtiva. Ele possui muito menos peças móveis em relação aos motores 4 tempos, o que se traduz em respostas e aumento de giro (rpm) muito rápidos, garantindo alta potência. Além disso, são muito leves, garantindo ótimo desempenho”, explica Luiz.

Detalhes

A nova moto da MXF é fabricada em aço cromo-molibdênio de alta resistência, possui partida elétrica e ignição com CDI, o que eleva o rendimento, melhorando o consumo e potência. Ela possui ainda refinamentos técnicos encontrados nas grandes marcas europeias e japonesas, tais como válvula de escape controlada eletronicamente e sistema automático de mistura do óleo 2 tempos. “Trata-se do Lubmatic, um sistema de injeção exclusivo que mistura automaticamente óleo à gasolina, evitando a tradicional mistura manual”, conclui Montani.

Preço sugerido: R$ 24.990,00

Saiba mais em:

www.mxfmotors.com.br

Este slideshow necessita de JavaScript.

AVG lança réplica do capacete do piloto Franco Morbidelli

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Casco abusa da tecnologia e chega ao mercado nacional por R$ 1.749,90

A AGV lançou recentemente no Brasil um dos capacetes mais aguardados pelos fãs da motovelocidade: o K-3 SV réplica do piloto ítalo-brasileiro Franco Morbidelli, campeão mundial de motovelocidade em 2017, na categoria Moto2.

Famosa por combinar de forma envolvente as bandeiras do Brasil e da Itália, a réplica do piloto Franco Morbidelli traduz o amor do piloto pelos dois países.

Nascido em Roma, ele é filho do ex-piloto Lívio Morbidelli e da brasileira Cristina. Em 2013, foi campeão mundial de Superbike, na categoria Superstock 600, e campeão mundial de Moto2, categoria de entrada para a MotoGP, se tornando um dos nomes em evidência da motovelocidade.

Preço sugerido: R$ 1749,90.

Mais informações em:

www.agvbr.com

Este slideshow necessita de JavaScript.

Estado de São Paulo reduz mortes por acidentes de trânsito

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Pelo segundo ano consecutivo, o Governo do Estado de São Paulo reduziu, por meio de ações do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) e do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, o número de acidentes com mortes nas vias paulistas. No ano passado, foram 5.645 registros, contra 5.727 em 2016 e 6.066 em 2015. A queda nesse período foi de 6,9%. O balanço está em campanha veiculada nas TVs.

Os acidentes de trânsito são a maior causa de mortes no Estado. Para tentar mudar essa realidade, em 2015, foi criado o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, unindo 10 Secretarias Estaduais, prefeituras e sociedade civil, além do Detran.SP.

O Movimento Paulista tem como objetivo reduzir o número de vítimas fatais com base em fundamentos estratégicos da Organização das Nações Unidas (ONU). Foram criadas duas ferramentas inovadoras para prevenir acidentes nos locais e horários de maior risco: o Infosiga SP, banco de dados inédito com perfil da vítima e do acidente e tipo de veículo, e o Infomapa SP, que traz a posição geográfica das ocorrências com vítimas fatais no Estado. O resultado: menos mortes no trânsito pelo segundo ano seguido.

Desde 2016, o Detran.SP assinou convênios com 104 prefeituras para repassar, por meio do Movimento Paulista, R$ 110,5 milhões arrecadados com multas para serem utilizados em melhorias em infraestrutura, sinalização e programas de educação.

Assista ao vídeo: https://youtu.be/so9on33WGXg