Trilha Kids vai garantir a diversão da criançada no 15º Tatu na Lama

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

A 15ª edição do Tatu na Lama tem uma missão especial: passar o amor pelo off-road à próxima geração. O encontro de trilheiros realiza pela primeira vez a Trilha Kids, que busca estimular a iniciação das crianças no esporte, além de proporcionar um momento único entre pais e filhos. A festa ocorre de 6 a 8 de dezembro, em Massaranduba (SC).

Para participar, o menor de até 15 anos pode ser acompanhado por um responsável. Eles irão percorrer (em duas motos ou com o pequeno na garupa) um percurso de cerca de 17 quilômetros de aventuras em meio à natureza, além de um curto deslocamento pela área central da cidade. O ponto de início e chegada será o Pavilhão de Eventos.

A programação de sábado (7) também inclui distribuição de camisetas oficiais aos inscritos, café, lanche no neutro, jantar, sorteio de duas minimotos e outras surpresas especialmente preparadas para os  trilheiros. Assim, a atividade segue os mesmos moldes dos trilhões tradicionais.

As inscrições para a 1ª Trilha Kids Tatu na Lama estão no último lote, que segue aberto até 4 de dezembro, com investimento de R$ 75 por dupla. Vale ressaltar que não haverá inscrição no local para as crianças, apenas para o evento principal. Elas devem ser efetuadas nos pontos de venda ou através do site http://www.tatunalama.com.br. O valor pode ser pago de diversas formas, inclusive parcelado no cartão de crédito.

Na lista de confirmados já está o youtuber Steka 135. O motociclista, que possui mais de 570 mil seguidores na rede social, marcará presença ao lado do filho Gui. No domingo, ele também irá acelerar na trilha principal, um trajeto de aproximadamente 65 quilômetros, explorando as belas paisagens da região.

Inscrições para o 3º Macacolama estão no segundo lote

Trilheiros no Macacolama

FOTO: DIVULGAÇÃO

Encontro de trilheiros será realizado no início de outubro, em Cajati (SP), com mais de R$ 50 mil em prêmios

A expectativa é grande para o 3º Macacolama, encontro de trilheiros que acontece nos dias 5 e 6 de outubro, em Cajati (SP). O primeiro lote de inscrições já acabou e o segundo está perto do fim. Para garantir vaga com desconto, basta acessar o link http://www.agendaoffroad.com.br/macacolama2019. Serão sorteados mais de R$ 50 mil em prêmios!

O evento contará com três trilhas distintas. A de motocicletas, quadriciclos e UTVs terá um percurso de 60 quilômetros, passando por plantações de pinos, eucaliptos e palmitos, além de alguns cenários deslumbrantes, como a Cachoeira do Manoel Gomes. Para bicicletas serão duas, um passeio de 25 km pela região e um desafio de 45 km com elevada altitude. Trechos com obstáculos prometem aumentar a diversão.

Entre outros diferenciais do Macacolama estão camiseta e troféu para os mil primeiros inscritos, banda de estilos musicais variados, estacionamento e camping gratuitos. O local oferece ampla infraestrutura para receber a todos, incluindo praça de alimentação e banheiros com chuveiros.

Segundo um dos organizadores, Danilo Barreto, será uma verdadeira festa off-road. “Estamos reunindo tudo o que o trilheiro gosta, fazendo o melhor para recebê-lo e também sua família. Esperamos receber mais de 1000 participantes. Apesar de estarmos em São Paulo, nossa cidade fica a apenas 170 km de Curitiba, então, o pessoal do Sul vem em peso. Estão todos convidados”, afirma.

Acompanhe as novidades do 3º Macacolama na Lama através do Facebook http://www.facebook.com/macacolama.cajati ou ainda pelo Instagram @macacolamaoficial

SERVIÇO:

3º Macacolama

Data: 5 e 6 de outubro

Local: Centro de Eventos de Cajati (SP)

Inscrições antecipadas: www.agendaoffroad.com.br/macacolama2019

Segundo lote: R$ 90, até 02/10. Concorre a 1 Honda CRF 250F, 5 minimotos Pro Tork TR50F, 1 carretinha e 1 bike aro 29. Garante: Café da manhã, lanche no neutro e almoço.

No local: R$ 110. Concorre a apenas 1 Honda CRF 250F e 2 Pro Tork TR50F. Garante: Café da manhã, lanche no neutro e almoço.

Camiseta e troféu: para os primeiros mil inscritos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nova Yamaha Fazer 250 chega na cor vermelho metálico

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

A Yamaha Fazer 250 ABS acaba de ganhar uma nova opção de cor na linha 2020: o vermelho metálico (Magma Red). A motocicleta é completa e conta com vários atrativos, como o design moderno e o sistema ABS nas duas rodas como item de série. O conforto, economia e a durabilidade do motor também são características fortes. A máquina vem com garantia de 4 anos.

O motor é fabricado em aço. Ele é leve e resistente a torções, incidindo diretamente no comportamento da moto. A Fazer 250 permite mudar de trajetória com rapidez e de forma estável, ideal para o uso urbano. A facilidade na pilotagem e leveza também são destaques. Isso se dá graças à redução do peso em 4 kg em relação à geração anterior, ao ângulo do cáster de 24,5° e o trail, de 98 mm.

As suspensões são mais robustas quando comparadas à sua antecessora. Elas filtram melhor as irregularidades do piso, garantindo mais segurança e controle na condução. Na dianteira, os tubos internos dos amortecedores são reforçados, com o diâmetro de 41mm, e seu curso é de 130mm. Já na traseira, o amortecedor único tem curso de 120mm.

RODAS E PNEUS

Com 10 raios e 17 polegadas, as rodas em liga leve seguem a proposta visual da moto. A largura na dianteira é de 2,5 polegadas, e na traseira de 4,0 polegadas. Para calçá-las, pneus Pirelli modelo Sport Demon, com medida é de 100/80-17 na dianteira, e 140/70-17 na traseira.

FREIOS

O sistema de freios é composto por um disco de 282mm e uma pinça de duplo pistão na frente, e um disco de 220mm e pinça dupla na traseira, que garante frenagens seguras e em curtos espaços. O destaque é o sistema ABS – Anti-lock Bracking System – como item de série. Ele impede o travamento das rodas em condições de baixa aderência do piso, como asfalto molhado ou sujo, e até mesmo em frenagens bruscas de emergência.

FAROL E LANTERNA

E por falar em segurança, a utilização de farol e lanterna traseira em LED conferem modernidade e menor consumo de energia à Fazer 250 ABS, como também maior eficiência na iluminação.

PAINEL

O painel desta moto é totalmente digital e com iluminação em LED, garantindo boa leitura em qualquer situação. Nele, destaca-se os indicadores de consumo instantâneo e média de consumo. Outras funções disponíveis são o velocímetro, hodômetro total e dois parciais (TRIP-1 e TRIP-2) e “Fuel Trip” (que indica a quilometragem rodada na reserva), relógio, tacômetro de fácil leitura e também as luzes indicadoras de piscas, farol alto, neutro e alerta de motor e do sistema Blueflex.

MOTORIZAÇÃO

O motor é monocilíndrico de arrefecimento misto – uma vez que conta com o auxílio de um radiador de óleo – tem a capacidade de 249,5 cm³ e utiliza duas válvulas acionadas por comando simples no cabeçote (SOHC – Single Over Head Camshaft).

Na Yamaha Fazer 250 ABS o acionamento do câmbio de 5 marchas é suave e conta com engates precisos. A transmissão secundária é feita por corrente, coroa e pinhão de 22 e 46 dentes, respectivamente. A embreagem, do tipo multidisco em banho de óleo, também colabora para a maciez no funcionamento.

Quando abastecida com gasolina, a potência máxima gerada é de 21,3 cv e de 21,5 cv, e em caso de o motor ser alimentado com etanol, ambos atingidos a 8.000 rpm. O torque, por sua vez, é de 2,1 kgf.m, tanto abastecido com etanol quanto por gasolina, ambos alcançados a 6.500 giros.

O modelo 2020 da Yamaha Fazer 250 ABS três opções de cores. O Azul metálico (Racing Blue), o vermelho metálico (Magma Red), e o preto sólido (Preto Eclipse), e estará disponível nas concessionárias a partir da primeira quinzena deste mês, com preço sugerido de R$ 15.790,00 + frete.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pro Tork amplia linha infantil com a inclusão de brinquedos no portfólio

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

A Pro Tork acaba de ampliar sua linha infantil com a inclusão de brinquedos em seu catálogo. São quatro opções para a garotada: Racer Truck, Big Foot e motocicletas nos estilos Motocross e Sport, todos com o estilo radical que a marca emprega em seus produtos.

A inspiração para a criação dos brinquedos surgiu nas pistas. A ideia era criar algo com design realista para incentivar a paixão pela adrenalina, muitas vezes passada de pais para filhos. Por isso, usou-se matéria-prima de primeira linha na injeção de termoplásticos, garantindo os mínimos detalhes. Os pneus emborrachados e a suspensão ativa deram um diferencial.

Em breve, os produtos poderão ser encontrados nas melhores lojas do segmento no país. Conheça mais produtos infantis da Pro Tork no site:

www.protork.com

Este slideshow necessita de JavaScript.

KTM 200 Duke: Versão 2019 ganha freios ABS

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Modelo chega às concessionárias com preço público sugerido de R$ 17.900,00

A Dafra Motos, importador da marca KTM no Brasil, apresenta o modelo KTM 200 DUKE ABS 2019, que será o substituto da KTM 200 DUKE. Essa é uma moto de entrada no mundo KTM. Fora a qualidade, tecnologia e performance, o modelo soma freios ABS, visando o aumento da segurança.

O modelo preserva as configurações da geração anterior, muitas delas presentes em apenas algumas motos acima de 600cc no mercado, como pinças de freio com montagem radial e suspensão dianteira invertida.

SUSPENSÃO PREMIUM

Esse tipo de suspensão, também conhecida também como upside down, é mais robusta e rígida que a convencional, e mantém o pneu o máximo possível em contato com o chão, com reações precisas nas manobras e absorção dos impactos e irregularidades do piso.

Apesar do design e performance, o preço se mantém competitivo e mais próximo às street de 250cc do mercado: R$ 17.900,00. Com tecnologia inspirada e testada nas pistas, a KTM 200 DUKE ABS 2019 é uma autêntica motocicleta urbana, uma dose diária de endorfina e adrenalina ao usuário.

JC Racing Team confirma Anthony West para temporada 2019

3

FOTO: SAMPA FOTOS

Australiano defenderá o Kawasaki Racing Team no SuperBike Brasil

Foi confirmada a participação do australiano Anthony West, ex-MotoGP, para a temporada 2019 do SuperBike Brasil, junto com a JC Racing Team – Kawasaki Racing Team Brasil. A competição começa dia 24 de março, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, e vai contar com 10 etapas, sendo 7 em São Paulo (SP), uma em Goiânia (GO), uma em Curitiba (PR) e uma em Londrina (PR). Algumas das disputas terão rodada dupla, o que trará ainda mais emoção para as disputas.

O experiente piloto Anthony West, de 37 anos de idade, chega para reforçar o grid do SuperBike Brasil, na categoria rainha. “Estou muito agradecido por essa oportunidade e darei meu melhor para defender o Kawasaki Racing Team Brasil. Competi em Interlagos este ano e pude ver que não será nada fácil, porém estou disposto a brigar pelo título na categoria elite do campeonato.”, comenta West.

Para Daniel Fabbri, team manager da equipe, as expectativas são boas para a estreia de West. “Anthony é um piloto muito experiente, o que ajuda muito no desenrolar do trabalho em equipe. Estamos felizes com a chegada dele e queremos aprender muito e evoluir a cada etapa. Ele trará benefícios para todos: mecânicos, pilotos e todo staff JC Racing Team. Ter um ex-MotoGP é um peso para qualquer equipe no Brasil e temos o privilégio de tê-lo conosco”.

CALENDÁRIO 2019:

1ª etapa – 24 de março (São Paulo)

2ª etapa – 14 de abril (São Paulo)

3ª etapa – 26 de maio (São Paulo)

4ª etapa – 16 de junho (São Paulo)

5ª etapa – 21 de julho (São Paulo)

6ª etapa – 18 de agosto (São Paulo)

7ª etapa – 22 de setembro (Goiânia)

8ª etapa – 20 de outubro (Curitiba)*

9ª etapa – 10 de novembro (Londrina)*

10ª etapa – 8 de dezembro (São Paulo)

*Datas confirmadas. Praças sujeitas a alteração

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nova Honda CB 1000R 2019 já está disponível na pré-venda

2018 CB1000R

FOTO: DIVULGAÇÃO

Com design minimalista e atraente, motocicleta inaugura o conceito Neo Sports Café no Brasil

A Honda anunciou o começo da pré-venda da CB 1000R, que traz o exclusivo conceito Neo Sports Café, com apelo retrô, sem perder as linhas esportivas. Com preço público sugerido de R$ 58.690,00, a nova naked tem previsão de entrega aos primeiros clientes em abril.

De acordo com a fabricante, a CB 1000R é um exemplo da busca pelo novo, associando às conhecidas características das naked streetfighter – potência bruta e vocação esportiva – com o charme do estilo café racer, reinterpretado de uma maneira exclusiva e original.

“A CB 1000R mostra a intenção da Honda de olhar sempre para o futuro e assumir o papel de inspirar. Sabendo que a expectativa dos clientes do segmento naked é cada vez maior, fomos mais longe, e em vez de oferecer um mero aumento do desempenho fizemos que a experiência ao guidão da CB 1000R fosse emocionante e excitante, mas que também envolvesse o verdadeiro prazer decorrente da posse e exibição de uma motocicleta única. Estamos muito orgulhosos do resultado alcançado, tanto quando a CB 1000R está em movimento quanto parada em nossa garagem”, diz S. Uchida, o Large Project Leader (LPL).

O peso seco, de apenas 199 kg, e a potência de 141,4 cv proporcionam à máquina uma relação peso-potência comparável à de superesportivas. A introdução de componentes de alta especificação para a parte ciclística – suspensões e freios – que, em conjunto com o chassi monotrave de aço, oferecem a pilotagem adequada para uma naked de última geração.

Mais detalhes da motocicleta divulgaremos em breve.

Este slideshow necessita de JavaScript.