KTM 200 Duke: Versão 2019 ganha freios ABS

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Modelo chega às concessionárias com preço público sugerido de R$ 17.900,00

A Dafra Motos, importador da marca KTM no Brasil, apresenta o modelo KTM 200 DUKE ABS 2019, que será o substituto da KTM 200 DUKE. Essa é uma moto de entrada no mundo KTM. Fora a qualidade, tecnologia e performance, o modelo soma freios ABS, visando o aumento da segurança.

O modelo preserva as configurações da geração anterior, muitas delas presentes em apenas algumas motos acima de 600cc no mercado, como pinças de freio com montagem radial e suspensão dianteira invertida.

SUSPENSÃO PREMIUM

Esse tipo de suspensão, também conhecida também como upside down, é mais robusta e rígida que a convencional, e mantém o pneu o máximo possível em contato com o chão, com reações precisas nas manobras e absorção dos impactos e irregularidades do piso.

Apesar do design e performance, o preço se mantém competitivo e mais próximo às street de 250cc do mercado: R$ 17.900,00. Com tecnologia inspirada e testada nas pistas, a KTM 200 DUKE ABS 2019 é uma autêntica motocicleta urbana, uma dose diária de endorfina e adrenalina ao usuário.

JC Racing Team confirma Anthony West para temporada 2019

3

FOTO: SAMPA FOTOS

Australiano defenderá o Kawasaki Racing Team no SuperBike Brasil

Foi confirmada a participação do australiano Anthony West, ex-MotoGP, para a temporada 2019 do SuperBike Brasil, junto com a JC Racing Team – Kawasaki Racing Team Brasil. A competição começa dia 24 de março, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, e vai contar com 10 etapas, sendo 7 em São Paulo (SP), uma em Goiânia (GO), uma em Curitiba (PR) e uma em Londrina (PR). Algumas das disputas terão rodada dupla, o que trará ainda mais emoção para as disputas.

O experiente piloto Anthony West, de 37 anos de idade, chega para reforçar o grid do SuperBike Brasil, na categoria rainha. “Estou muito agradecido por essa oportunidade e darei meu melhor para defender o Kawasaki Racing Team Brasil. Competi em Interlagos este ano e pude ver que não será nada fácil, porém estou disposto a brigar pelo título na categoria elite do campeonato.”, comenta West.

Para Daniel Fabbri, team manager da equipe, as expectativas são boas para a estreia de West. “Anthony é um piloto muito experiente, o que ajuda muito no desenrolar do trabalho em equipe. Estamos felizes com a chegada dele e queremos aprender muito e evoluir a cada etapa. Ele trará benefícios para todos: mecânicos, pilotos e todo staff JC Racing Team. Ter um ex-MotoGP é um peso para qualquer equipe no Brasil e temos o privilégio de tê-lo conosco”.

CALENDÁRIO 2019:

1ª etapa – 24 de março (São Paulo)

2ª etapa – 14 de abril (São Paulo)

3ª etapa – 26 de maio (São Paulo)

4ª etapa – 16 de junho (São Paulo)

5ª etapa – 21 de julho (São Paulo)

6ª etapa – 18 de agosto (São Paulo)

7ª etapa – 22 de setembro (Goiânia)

8ª etapa – 20 de outubro (Curitiba)*

9ª etapa – 10 de novembro (Londrina)*

10ª etapa – 8 de dezembro (São Paulo)

*Datas confirmadas. Praças sujeitas a alteração

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nova Honda CB 1000R 2019 já está disponível na pré-venda

2018 CB1000R

FOTO: DIVULGAÇÃO

Com design minimalista e atraente, motocicleta inaugura o conceito Neo Sports Café no Brasil

A Honda anunciou o começo da pré-venda da CB 1000R, que traz o exclusivo conceito Neo Sports Café, com apelo retrô, sem perder as linhas esportivas. Com preço público sugerido de R$ 58.690,00, a nova naked tem previsão de entrega aos primeiros clientes em abril.

De acordo com a fabricante, a CB 1000R é um exemplo da busca pelo novo, associando às conhecidas características das naked streetfighter – potência bruta e vocação esportiva – com o charme do estilo café racer, reinterpretado de uma maneira exclusiva e original.

“A CB 1000R mostra a intenção da Honda de olhar sempre para o futuro e assumir o papel de inspirar. Sabendo que a expectativa dos clientes do segmento naked é cada vez maior, fomos mais longe, e em vez de oferecer um mero aumento do desempenho fizemos que a experiência ao guidão da CB 1000R fosse emocionante e excitante, mas que também envolvesse o verdadeiro prazer decorrente da posse e exibição de uma motocicleta única. Estamos muito orgulhosos do resultado alcançado, tanto quando a CB 1000R está em movimento quanto parada em nossa garagem”, diz S. Uchida, o Large Project Leader (LPL).

O peso seco, de apenas 199 kg, e a potência de 141,4 cv proporcionam à máquina uma relação peso-potência comparável à de superesportivas. A introdução de componentes de alta especificação para a parte ciclística – suspensões e freios – que, em conjunto com o chassi monotrave de aço, oferecem a pilotagem adequada para uma naked de última geração.

Mais detalhes da motocicleta divulgaremos em breve.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Triumph fecha parceria com o Google

1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Projeto visa oferecer novo sistema de conectividade

A Triumph prepara uma novidade tecnológica para sua linha de motocicletas em 2019. A empresa desenvolveu um novo sistema de conectividade que estará disponível em todas as motos equipadas com o painel TFT (painel de instrumentos com tela colorida multifuncional de última geração) – o que inclui os modelos Tiger 800, Tiger 1200, Street Triple e Speed Triple.

A novidade, ainda sem preço definido, começa a chegar ao Brasil no final do primeiro semestre. As máquinas que já possuem o atual TFT também poderão ser equipadas com a nova tecnologia na rede de concessionárias Triumph.

MODERNIZANDO

Em sua segunda geração, o TFT Connectivity System (Sistema de Conectivdade TFT) da Triumph visa oferecer ao piloto uma experiência de pilotagem aprimorada, facilitando bastante a conexão e oferecendo novos recursos. Uma das inovações é uma inédita parceria com o Google para oferecer um sistema de navegação ainda mais detalhado e preciso.

Este slideshow necessita de JavaScript.

HARLEY-DAVIDSON 2019: AMOR À PRIMEIRA VISTA – Parte 2

IMG_2012

FOTO: DIVULGAÇÃO

No post anterior, noticiamos o lançamento da linha Touring 2019 da Harley-Davidson. Na segunda parte do artigo, revelamos mais detalhes sobre os modelos

Se você é um harleyro de corpo e alma, é hora de ir a uma concessionária Harley-Davidson e fazer um test ride com os novos modelos da linha Touring 2019, que engloba a Road Glide Special, Road Glide Ultra, Road King Classic, Road King Special, Street Glide Special e Ultra Limited. Como dissemos na edição passada, a intenção da H-D foi realizar vários avanços tecnológicos nas motocicletas do portfólio do próximo ano, contando com que há de mais moderno no mercado.

Um dos destaques dos modelos é o novo sistema Boom! Box GTS de informação, navegação e lazer, que conta com visual contemporâneo e funções aplicadas nos mais modernos smartphones e tablets. E um detalhe: apresenta recursos desenvolvidos especialmente para uso em motocicletas.

O ‘motorzão’ é realmente de arrepiar! Agora, as Touring estão equipadas com o Milwaukee-Eight 114, que dispõe de 1.868cc, para aventureiro nenhum botar defeito. A seguir, confira mais detalhes sobre essas preciosidades.

Road Glide Special: uma devoradora de asfalto! Toda escura, ela é repleta de recursos Premium. Dê a partida no motor forte e faça uma viagem incrível. A motocicleta tem preço sugerido a partir de R$ 97.400. Conta com acabamentos escurecidos, desde os garfos dianteiros até as pontas do escapamento, ou seja: um visual agressivo e moderno. As rodas são grandes e ousadas, com raios que chegam até a borda do aro. Os alforjes são estendidos, o que proporciona um design elegante por fora e espaçoso por dentro. Basta um simples toque para abrir as tampas.

Road Glide Ultra: para o motociclista que sabe que não há limites para uma boa aventura. O modelo tem preço sugerido a partir de R$ 101.900. A carenagem é no estilo “nariz de tubarão”. Um design diferenciado, inovador e que ajuda a cortar o vento. O para-brisa de 35cm é customizado. A máquina conta com faróis dianteiros duplos em LED, tudo para que você seja visto pelos outros veículos a qualquer momento. As suspensões dianteira e traseira são de alto desempenho, ajustáveis, para que sua viagem seja a mais confortável possível.

Road King Classic: essa raridade (com preço a partir de R$ 79.900) conta com pneus de faixa branca, rodas raiadas e alforje com capa de couro. O visual é clássico, com rodas cromadas de 40cm. O farol dianteiro é feito com materiais de última geração, proporcionando um longo alcance na luminosidade. O motor é forte e apresenta uma resposta imediata do acelerador. Os freios são eletronicamente vinculados, aplicando a medida certa de frenagem a cada pneu, independentemente das condições da estrada.

Road King Special: uma motocicleta com força impressionante e um visual escurecido, de parar o trânsito. Chega ao mercado com preço sugerido a partir de R$ 82.400. Conta com um guidão mini-ape com 23cm de altura e 3cm de largura, para você se sentar em uma posição mais alta e pilotar de maneira mais confortável e, ao mesmo tempo, agressiva. O motor Milwaukee-Eight 114 é padrão em todos os modelos Touring. São 1.868cc, o que ajuda nas ultrapassagens e na aceleração, quando necessário. A moto apresenta um estilo customizado de ponta a ponta, desde as rodas até os silenciadores.

Street Glide Special: seu estilo Bagger Hot Rod atrai olhares nas ruas. A partir de R$ 95.400, essa beldade pode ser sua. As rodas são pretas, cheias de ousadia, para você chegar aos locais com muita atitude e estilo. Os alforjes foram feitos para acentuar o perfil longo e baixo, criando um visual Custom mais emblemático. Os garfos dianteiros, o guidão, console e escapamentos foram escurecidos para remeter a mais agressividade. O modelo também conta com suspensão responsiva.

Ultra Limited: uma motocicleta para quem não gosta de viagens padrões. A máquina chega ao mercado com preço sugerido a partir de R$ 102.900. Ela está completa! Desde o novo motor até as manoplas aquecidas, equipadas com seis configurações com fácil ajuste. Clássica carenagem Batwing, novo sistema infotainment BOOM! GTS e muito mais. Também é possível definir a velocidade por meio do sistema Cruise Drive. O câmbio é de seis marchas e possibilita trocas suaves e silenciosas.

Harley-Davidson 2019: AMOR À PRIMEIRA VISTA

4O2A2757

FOTO: DIVULGAÇÃO

A Harley-Davidson apresentou a linha 2019 de suas motocicletas. As máquinas chegam ao mercado esbanjando estilo e com novos sistemas de informação, navegação e lazer. Tivemos o prazer de andar nas motos de modelo Touring. Confira nossas primeiras impressões!

No dia 16 de outubro, a Harley-Davidson do Brasil convidou a imprensa especializada para conferir uma prévia dos modelos 2019 da marca. Nas próximas postagens, publicaremos o test ride completo de diversas dessas máquinas incríveis – até lá, aguçamos o apetite dos leitores falando um pouco sobre a nova Touring, que engloba os modelos Road Glide Special, Road Glide Ultra, Road King Classic, Road King Special, Street Glide Special e Ultra Limited.

A convite da própria H-D, tivemos a oportunidade de viajar até o México, onde a marca norte-americana preparou um test ride para jornalistas. Foram sete dias de diversão e conhecimento das novas Harleys, recebendo informações técnicas dos engenheiros e, em seguida, o melhor da festa: pilotar as motos!

O VEREDICTO!

A Harley-Davidson continua a fazer avanços em seus modelos Touring, na busca do que há de mais moderno em tecnologia. O novo sistema Boom! BoxGTS de informação, navegação e lazer para algumas das motocicletas da família oferece visual contemporâneo e conta com funções aplicadas nos mais modernos smartphones e tablets, com recursos desenvolvidos especificamente para uso motociclístico.

As máquinas Touring do modelo 2019 passam a ser equipadas, também, com o motor Milwaukee-Eight 114. Com 114 polegadas cúbicas (1868cm³), o propulsor oferece uma melhor aceleração e desempenho poderoso nas ultrapassagens. Para os aventureiros de plantão, é uma ótima pedida!

Outro destaque é a compatibilidade com o Apple CarPlay (quando o microfone for utilizado com fones de ouvido Harley-Davidson Genuine Motor Accessories) e reconhecimento de voz hands-free.

Os preços variam de R$ 79.900,00 a R$ 102.900,00. Para mais informações, acesse o site: www.harley-davidson.com.br

FICHA TÉCNICA: MOTORIZAÇÃO

 

HARLEYDAVIDSON ROAD GLIDE SPECIAL

Motorização

Tipo Milwaukee-Eight 114

Arrefecimento refrigerado a ar

Válvulas 4 válvulas/cilindro

Alimentação Injeção eletrônica Multi-Ponto Sequencial (ESPFI)

Cilindrada 1.868cm3

Torque 16,7 kgf.m / 3.000 rpm

HARLEYDAVIDSON ROAD GLIDE ULTRA

Motorização

Tipo Milwaukee-Eight114

Arrefecimento Twin Cooled (ar e água)

Válvulas 4 Válvulas/cilindro

Alimentação injeção eletrônica Multi-Ponto Sequencial (ESPFI)

Cilindrada 1.868cm3

Torque 16,52 kgf.m / 3.000 rpm

HARLEYDAVIDSON ROAD KING CLASSIC

Motorização

Tipo Milwaukee-Eight 107

Arrefecimento refrigerado a ar

Válvulas 4 válvulas/cilindro

Alimentação injeção eletrônica Multi-Ponto Sequencial (ESPFI)

Cilindrada 1.745cm3

Torque 15,09 kgf.m / 3.250 rpm

HARLEYDAVIDSON ROAD KING SPECIAL

Motorização

Tipo Milwaukee-Eight 114

Arrefecimento refrigerado a ar

Válvulas 4 Válvulas/cilindro

Alimentação injeção eletrônica Multi-Ponto Sequencial (ESPFI)

Cilindrada 1.868cm3

Torque 16,7 kgf.m / 3.000 rpm

HARLEY-DAVIDSON STREET GLIDE SPECIAL

Motorização

Tipo Milwaukee-Eight 114

Arrefecimento refrigerado a ar

Válvulas 4 Válvulas/cilindro

Alimentação injeção eletrônica Multi-Ponto Sequencial (ESPFI)

Cilindrada 1.868cm3

Torque 16,7 kgf.m / 3.000 rpm

HARLEYDAVIDSON ULTRA LIMITED

Motorização

Tipo Milwaukee-Eight 114

Arrefecimento Twin-Cooled (ar e água)

Válvulas 4 Válvulas/cilindro

Alimentação Injeção eletrônica Multi-Ponto Sequencial (ESPFI)

Cilindrada 1.868cm3

Torque 16,52 kgf.m / 3.000 rpm

TRIO DE FERRO!

100_4583

FOTOS: ALÍRIO GOMES/HONEYPOT

Três amigos, três motos Honda (uma CB Twister 2019, uma CB 300 R e uma XRE 300) e um destino: Santa Isabel, acolhedora cidade no interior paulista

O que acontece quando três amigos de longa data, apaixonados por viagens de moto, se juntam a bordo de suas respectivas máquinas? Um passeio inesquecível, é claro! No estilo bate-e-volta, os aventureiros Guilherme Derrico, com uma CB Twister 2019, Fábio da Cruz Silvestre, com sua XRE 300, e Alírio Gomes, pilotando uma CB 300 R – todas da Honda –, saíram de Guarulhos e foram até Santa Isabel, do interior de São Paulo, onde curtiram as belezas da região sob a perspectiva de um motociclista.

Para quem não conhece o local, Santa Isabel deve seu nome a Santa Isabel de Aragão, Rainha de Portugal. Suas origens remontam a 1770 e estão indiretamente ligadas à conquista do ouro. Por ser um dos primeiros municípios a compor o Vale do Paraíba, recebeu toda a influência e costumes da região, pois surgiu como o lar de valeparaibanos que partiam dali em busca de Ouro Preto e Congonhas do Campo, em Minas Gerais, onde se destacava a produção de ouro. Ao retornarem, após o esgotamento das minas, eles se espalharam pelo Vale e estabeleceram a cultura do café na região. O restante da história pode ser conferido no site: http://santaisabel.sp.gov.br/conheca-a-cidade/

O PERCURSO

É muito fácil chegar ao local de destino: pegamos a Rodovia Presidente Dutra, no sentido Rio de Janeiro. Basta seguir reto, sempre tomando cuidado com o limite de velocidade da via. Após o pedágio, que se apresenta um pouco antes da cidade de Arujá (SP), com o preço de R$ 1,85 por moto, continuamos em linha reta, até chegar Santa Isabel – as placas indicam SP-056. O percurso de ida e volta é de aproximadamente 90 km.

Já na cidade, paramos para tomar um café, conversamos sobre a cena motociclística atual e aproveitamos para tirar fotos e registrar aqueles momentos agradáveis em diversos pontos da região. Já que nosso amigo Fábio tem parentes no local, ele e seu primo, “Jorginho”, fizeram as vezes de guias turísticos e nos levaram para admirar a natureza, que, a propósito, é belíssima. A hospitalidade dos moradores fez com que nos sentíssemos em casa. Um dos pontos altos da viagem foi a possibilidade de captarmos imagens da primeira igreja construída na cidade. Um detalhe bacana de Santa Isabel é que o município tem diversos “morrões”, ou seja, muitas subidas íngremes, que ajudaram a testar nossas motos ao limite.

IMPRESSÕES DE PILOTAGEM

Guilherme Derrico: na edição 215 de Moto Adventure, publicamos o test ride com a nova Honda CB Twister. A moto se comportou muito bem durante esse bate-e-volta. É uma motocicleta de média cilindrada, porém, com muita força, principalmente na saída. Apesar de seu cunho esportivo, permite tranquilamente a realização de viagens desse tipo sem afetar o conforto do piloto. Vale a pena o passeio! Para os amantes da velocidade, é importante frisar que, a bordo dessa máquina, atingimos os 141 km/h na reta e 146 km/h na descida da Via Dutra. Para uma média, considero de bom tamanho.

Fábio da Cruz Silvestre: Estou muito satisfeito com o desenvolvimento da XRE 300. Tanto na cidade quanto na estrada, ela é muito confortável. A facilidade para realizar ultrapassagens nas rodovias impressiona. A moto também oferece ótima visibilidade ao piloto. Para este tipo de viagem, é perfeita.

Alírio Gomes: A Honda CB 300 R responde muito bem na estrada, apesar de ser uma moto de média cilindrada. Tem um freio que passa segurança e a retomada é muito satisfatória. Nas retas, é possível atingir os 130 km/h com facilidade. Depois disso, demora um pouco para reagir, mas atinge 146 km/h. Na descida, em posição de ataque, o auge da velocidade chega a 154 km/h. Nas curvas, possibilita uma ótima inclinação, comparada às de máquinas de alta cilindrada, mesmo com os pneus originais. Estou muito satisfeito.

Este slideshow necessita de JavaScript.