Novidade no mercado: MXF lança nova linha de peças e acessórios

GAIAMX Factory Racing

FOTO: DIVULGAÇÃO

Nova marca traz mais de 20 itens de reposição para motos off road

O mercado de reposição de peças acaba de ganhar uma nova aliada. Tudo isso porque a MXF, detentora da marca GaiaMX, lança a nova linha de peças e acessórios para motocicletas off road, intitulada GaiaMX Factory Racing. São mais de 20 itens destinados à reposição, personalização e aumento da performance dos veículos de duas rodas.

Entre os produtos que farão parte da nova linha estão: guias de corrente; pedal de freio; manetes retráteis forjados; protetores de pinhão; pedaleiras especiais; tampa de tanque; descanso lateral; porcas de roda e porcas de mesa; tampa do óleo motor; mangueira de tanque (respiro) com válvula e válvulas para retirar de ar da suspensão, pedais de partida, pedais de freio especiais, e vários outros itens importantes. “O objetivo da GaiaMX Factory Racing é proporcionar beleza, exclusividade e funcionalidade às motos”, afirma Luiz Henrique Pinto, diretor técnico da MXF Motors.

A marca conta ainda com peças de reposição de todos os seus produtos, como parafusos, crivos, prendedores de cabos, plugues de motor, bicos, travadores, protetores do travador, espaçadores de eixo, etc.

Saiba como fazer a bateria da sua moto durar mais tempo

DSCN2739

FOTO: DIVULGAÇÃO

Com as dicas a seguir, você vai aprender a fazer a vida útil desse componente durar muito mais

Fazer uma manutenção preventiva é sempre a melhor atitude para que sua motocicleta não apresente problemas. A bateria da moto, assim como outros itens, é um elemento essencial e não deve ser lembrada apenas no momento de uma pane inesperada.

Para falar com mais propriedade sobre o assunto, entrevistamos Tiago Peruci, responsável técnico da MXF Motors, distribuidora exclusiva da MotoBatt no Brasil. Ele salienta que é muito importante saber que alguns cuidados são necessários para manter ou até mesmo aumentar a vida útil da bateria.

O especialista listou 5 dicas importantes e fáceis de seguir, para que a bateria da sua moto esteja sempre bem cuidada. Acompanhe:

1 – Não deixe a moto parada por muito tempo;

2 – Use um apoio de madeira ou borracha no “pezinho” que sustenta a moto quando ela estiver parada;

3 – Faça um check-up periódico;

4 – No frio, a moto deve ficar ligada com o afogador funcionando até esquentar;

5 – Caso o sistema não funcione na hora de ligar a moto, chame um socorro mecânico e não realize a chamada “chupeta”, pois isso pode danificar os componentes elétricos de ambos os veículos.

Campeonato Mineiro de Motocross abre inscrições para a 2ª etapa

Foto_1_Jefferson Coelhinho

FOTO: JEFFERSON COELHINHO

Quem deseja disputar o pódio dessa etapa deve se atentar ao prazo para realizar as inscrições

A poeira vai subir! Já estão abertas as inscrições para a 2ª etapa do MXF Campeonato Mineiro de Motocross, que ocorrerá nos dias 22, 23 e 24 de junho, em Juatuba. Os interessados devem realizar seus cadastros pelo site http://www.cassiosracing.com.br e pagar uma taxa de R$165,00 até o dia 20 de junho.

Vale lembrar que de forma alguma serão aceitas inscrições fora do prazo. As pessoas que tiverem qualquer dificuldade com o sistema podem entrar em contato com a organização do campeonato pelo telefone: (31) 99993-5614, ou pelo e-mail: [email protected]

Os atletas que vão participar pela primeira vez ou que ainda não entregaram toda a documentação necessária também devem apresentar na Secretaria de Prova do evento os seguintes documentos*:

– Carteirinha de filiação à Federação de Motociclismo do Estado de Minas Gerais (FMEMG);

– Termo de responsabilidade, com firma reconhecida em cartório (exigido apenas para menores de 18 anos);

– Atestado médico liberando o piloto para a prática de esportes de alto rendimento. O documento deve conter carimbo com data e assinatura do médico;

– Termo de cessão de uso de imagem;

– Cópia da carteira de identidade.

*Os modelos dos documentos estão disponíveis no site http://cassiosracing.com.br/web/informativos-inscricoes/

Campeonato Mineiro de Motocross terá programação animada

DSC_9518_cred_Victor_Silva

FOTO: DIVULGAÇÃO

Além das 17 corridas de moto, evento contará com prova de balance bike e shows de música sertaneja e pagode

A cidade de Piranga, localizada na Zona da Mata, já está pronta para receber a abertura da temporada 2018 do MXF Campeonato Mineiro de Motocross. A festa que será realizada neste final de semana, dias 27, 28 e 29 de abril, a partir das 8h, no Espaço Verdant, terá classificação livre, entrada franca e muitas atrações para o público.

As 17 corridas profissionais e amadoras serão divididas em dois dias de evento. Quem comparecer ao circuito no sábado poderá conferir as disputas das categorias Intermediária, Nacional Amador, MX2, Júnior, MX4, MX5, 85cc B, 50cc B, 50cc Pró e MXF Nacional. Os pilotos que não concluíram a final de 2017, devido à forte chuva que atingiu o local da competição, também entrarão na pista nesse mesmo dia para brigar pelo título.

A programação começa às 8h com os treinos livres, momento em que os atletas aproveitam para reconhecer o circuito e definir suas estratégias. Já às 10h25 têm início os treinos classificatórios, que definirão a posição de cada piloto no gate de largada. Às 13h30 é hora de acelerar para valer e buscar o pódio.

No domingo é a vez da MX1, 65cc, Nacional Pró, MX2, Amador, MX3, MXF Pró e 85cc Pró. A ordem dos acontecimentos seguirá a mesma lógica do dia anterior. Os treinos livres para essas categorias ocorrerão a partir das 8h e os classificatórios às 10h20. O momento mais esperado do dia começará às 13h45.

Balance Bike

DSC_9595_cred_Victor_Silva

FOTO: DIVULGAÇÃO

Para colocar as crianças em contato com o mundo dos esportes. A organização também realizará uma prova de balance bike, bicicleta destinada a crianças sem pedais, pedivela, corrente e rodinhas laterais. Às 12h de domingo, meninos e meninas de dois a cinco anos farão um percurso de 100 metros dentro da pista de motocross. Um prêmio de R$200,00 será divido entre todos os participantes, que também levarão para casa uma medalha e um troféu.

Shows

Com o intuito de animar ainda mais o público do Mineiro de Motocross, a prefeitura de Piranga decidiu promover também dois shows na Praça do Rosário, localizada no centro da cidade. Na sexta-feira, a dupla Thiago e Eli tocará o melhor do sertanejo universitário. Já no sábado, a música fica por conta do grupo Revelassamba com seu repertório repleto de sucessos do pagode. As duas apresentações iniciarão às 21h30.

Segundo Gislaine Dias, chefe de Divisão de Cultura e Turismo de Piranga, a ideia é dar mais destaque ao campeonato e aproveitar a chance para valorizar os músicos do município. “É um prazer para nós receber a abertura do MXF Campeonato Mineiro de Motocross, e nada mais justo do que oferecer aos nossos conterrâneos e aos turistas que prestigiarão o evento mais um momento de descontração. Ciente do sucesso que será o motocross durante o dia, queremos proporcionar também uma noite muito agradável a todos. Nosso intuito é valorizar os artistas locais e movimentar a cidade, para que em uma próxima oportunidade o evento possa atrair ainda mais turistas e visitantes”.

Pista do GP Piranga é reformulada para a temporada 2018

Foto Pista Piranga

FOTO: DIVULGAÇÃO

Com 1.650 metros, o circuito traz novos saltos e mais possibilidades de traçados, o que resultará em corridas mais disputadas

A pista construída no Espaço Verdant, em Piranga, foi reformulada para receber a 1ª etapa do MXF Campeonato Mineiro de Motocross. Quem comparecer ao evento, marcado para os dias 28 e 29 de abril a partir das 8h, poderá conferir diversas novidades que prometem agradar tanto os pilotos quanto o público.

Pilotos

DSC_9718_cred_Victor_Silva

FOTO: DIVULGAÇÃO

De acordo com Cássio Marques, organizador da prova, o circuito terá um total de 1.650 metros de extensão. A primeira alteração aparece já na largada. Após sair do gate, o atleta segue para um novo salto que dá acesso a uma parte da pista onde existe uma mata. A reta que vem em seguida também foi modificada. Ela recebeu alguns metros a mais para que o piloto consiga emendar o salto da mesa de chegada.

Cássio conta também que depois da sessão de costelas foi colocada a opção de um roller dentro da curva e uma escora na parte de fora, com o objetivo de aumentar as chances de ultrapassagem. O triplo, que já existia no circuito, ganhou mais ângulo para proporcionar um salto maior e mais bonito. A parte da pista que dá acesso ao pit stop também cresceu. Agora, as motos passarão por trás da largada e acelerarão até o outro lado, onde há uma nova mesa para entrar novamente na reta de largada.

A estrutura também recebeu a atenção especial da organização. Os boxes terão pontos de energia 24h e contarão com área de camping. O galpão onde ficam os banheiros com os chuveiros será abastecido por uma caixa d’água de 20 mil litros, 18 mil a mais do que no ano passado.

Público

Para os espectadores, Cássio Marques planejou dois novos acessos à pista. Um túnel passando por dentro de uma das mesas e uma passarela que cruza o circuito foram criados para permitir que todos possam assistir às provas do centro da pista. A ideia é manter a tradição americana de colocar o público o mais próximo possível da ação.

A praça de alimentação também foi melhorada. Com um total de 500 m², o local terá mais espaço para receber opções mais diversificadas de comidas e bebidas. Além disso, Banheiros químicos foram instalados em toda a área do evento.

Segundo Cássio, a ideia é oferecer atender a todos e oferecer um espetáculo a parte. “Projetei essa pista para ter um alto nível, mas também ser democrática. Temos pilotos amadores e profissionais, jovens e mais velhos. Então temos que pensar em todos. Também usei alguns recursos para dar mais emoção às corridas e agradar a quem for ao Espaço Verdant assistir. Vamos ter saltos e manobras bem radicais para levantar a torcida da arquibancada”, afirma Marques.

Talento precoce: piloto de apenas 3 anos correrá a primeira etapa do Campeonato Mineiro de Motocross

image1

FOTO: DIVULGAÇÃO

Pietro Siqueira Fraga treina motocross desde os dois anos de idade

Um pequeno prodígio de apenas três anos de idade será o piloto mais novo a correr o MXF Campeonato Mineiro de Motocross 2018. Com o apoio incondicional da família, Pietro Siqueira Fraga, treina motocross desde os dois anos de idade em uma pista localizada a 125 quilômetros de sua casa em Ipatinga, Minas Gerais. Ele correrá na 50cc B, nova categoria criada pelo organizador do evento, Cássio Marques, para incentivar as bases do motocross brasileiro.

O pai de Pietro, Fabner Fraga, conta que o menino começou no bicicross muito novo e ganhou uma etapa Campeonato Mineiro de Cross Pré-bike com um ano e nove meses de idade. “A nossa família tem tradição em esportes de velocidade. Depois que ele ganhou essa etapa, levei-o a uma corrida de motocross e ele ficou louco. Desde então só quer acelerar”, conta o pai coruja.

Superando os obstáculos

Para garantir a segurança do garoto, Fabner teve que fazer malabarismo. Como alguns equipamentos não são fabricados para crianças dessa idade, ele teve que adaptar. “Eu procuro o máximo de segurança possível. A botinha dele, por exemplo, é uma bota sete-léguas adaptada a um patins sem rodas. A moto teve de ser totalmente modificada. Não tem bancos, e as suspensões bem baixas”, explica.

Além do pai, Pietro tem também o apoio da mãe, Karine de Siqueira e da irmã mais velha, Isabelle Fraga, de cinco anos. “Elas ajudam muito. Enquanto eu me preocupo em estar na pista e ensiná-lo a pilotar, as duas dão o suporte no que mais for preciso”, diz Fabner.

Com um talento desses em casa, a ideia é investir no futuro do pequeno piloto. “Se ele for, realmente, um piloto excepcional, eu vou levá-lo até onde eu tiver forças. Eu sei o quanto é difícil. Eu sei como é a luta. Mas é o que eu gosto e, principalmente, o que ele ama fazer. Então, eu vou dar asas à imaginação dele”, conclui.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Com energia limpa, veículos de mobilidade urbana crescem em conceito como alternativa de transporte no Brasil

London

FOTO: DIVULGAÇÃO

O MUV – Veículo de Mobilidade Urbana – atrai cada vez mais clientes no País

Você sabe qual veículo de transporte alternativo é leve, acessível, não polui o meio ambiente e que está sendo cada vez mais utilizado no Brasil? Se você pensou em bicicleta se enganou. É o MUV (Veículo de Mobilidade Urbana) – um veículo elétrico que está atraindo um número crescente de pessoas que querem fugir do trânsito caótico para ir ao trabalho ou ao supermercado, por exemplo, mas que preferem reservar as atividades físicas para um período distinto.

A curitibana Bruna Cosmoski, de 29 anos, é uma destas pessoas, para as quais o MUV tornou-se alternativa para o uso do carro e também do transporte público coletivo. “O trânsito é uma loucura. O tempo que levamos para nos locomovermos de um lugar para outro estressa demais e prejudica o rendimento do dia todo. Isso sem contar o preço do combustível, que aumenta a cada dia”, conta a dentista.

Há uma distância de pouco mais de 2 km entre o trabalha e sua casa, Bruna não teve dúvidas no momento em optar por um MUV. “Escolhi o MUV, pois não posso chegar suada no meu trabalho e prefiro me maquiar em casa. Então saio já arrumada e vou ao consultório. Também uso ele para ir ao mercado. É barato, confortável e até divertido, além dele não poluir o meio ambiente”, completa Bruna.

O veículo chega a 40 km por hora e a bateria é recarregada na energia elétrica. Como não se encaixa nas leis de trânsito, não é necessário possuir habilitação. Com este veículo é possível trafegar em ciclovias e lugares em que as bicicletas também são permitidas. Mas, é recomendado o uso de capacete e demais equipamentos de segurança.

Estatísticas

Segundo pesquisa da Confederação Nacional do Transporte divulgada em agosto de 2017, o transporte é classificado como o quarto principal problema das grandes cidades. Isso porque 45,2% dos deslocamentos são feitos por ônibus que enfrentam três problemas centrais: preço elevado da passagem, violência e pouco conforto.

Por estas razões, quase 40% dos brasileiros deixaram de utilizar o transporte público totalmente (16,1%) ou diminuíram o seu uso (22,1%).  Em 35,8% dos casos eles foram substituídos pelos carros, 29,1% passaram a andar a pé e 15,7% usam bicicletas e motos (7,9% e 7,8% respectivamente).

Mercado

O crescimento desta forma de transporte tem movimentado o mercado e criado novas oportunidades de negócios. Um exemplo é a montadora de veículos off road MXF Motors do Brasil, que lançou dois veículos deste segmento: o MUV MXF e o MUV Patinete Elétrico MXF, ambos que operam com energia limpa.  Os veículos pesam de 40kg a 50kg, possuem bateria que duram aproximadamente duas horas para uso ininterrupto e acompanham carregadores de tomada bivolts. São fabricados em aço carbono dobrável, o que possibilita ao condutor facilmente carregar ou guardar os veículos em qualquer lugar.

Os MUVs MXF possuem 1.4 CV de potência e adaptações de altura, estando disponíveis para compra online em lojas como Casas Bahia e Americanas, ou diretamente em uma revenda autorizada da fabricante: http://www.mxfmotors.com.br. Preço sugerido: R$ 4.990,00.